Certificado ISO 9001 - Galeazi Metais Galeazi Metais RS
TELEVENDAS 51 2104-1066 07:30 - 12:00 / 13:00 - 17:18

16/06/2015 - Metais básicos caem com recuperação do dólar

Os metais básicos operam pressionados pelo dólar mais forte, apesar de indicadores econômicos positivos da China divulgados na noite passada. Depois de cair em relação a diversas moedas ontem – entre elas o iene e o euro – o dólar se recupera nesta manhã. Uma fonte próxima ao governo do Japão comentou que o primeiro-ministro Shinzo Abe ficou insatisfeito com as declarações feitas ontem pelo presidente do Banco do Japão (BoJ, o banco central do país). Kuroda disse que provavelmente o iene não irá se enfraquecer mais, o que provocou uma forte valorização na moeda japonesa ontem.

Diante da recuperação do dólar, os contratos denominados na moeda norte-americana se tornam mais caros para quem opera com outras divisas. Com isso, a reação positiva aos dados publicados pela China foi limitada.

Tanto as vendas no varejo quanto a produção industrial em maio cresceram conforme o previsto, o que sinaliza uma possível estabilização da economia chinesa. Como a China é o maior comprador de metais industriais, o fortalecimento econômico sugere que a demanda por essas commodities deve crescer futuramente.

Na London Metal Exchange (LME), o cobre para três meses caía 1,7% no início da manhã, para US$ 5.927,50 por tonelada. O alumínio recuava 1,1%, para US$ 1.740 por tonelada; o zinco perdia 0,9%, para US$ 2.128 por tonelada; o níquel cedia 0,7%, para US$ 13.430 por tonelada; o chumbo declinava 0,9%, para US$ 1.907 por tonelada; e o estanho tinha baixa de 0,6%, para US$ 15.310 por tonelada. Na Comex, o cobre para julho caía 2,09%, para US$ 2,6895 por libra-peso, às 7h59 (de Brasília).

Fonte: Estadão

Orçamento

Faça um orçamento

Cotações em 13/12/2017

  • Cobre: 6.685,00
  • Dólar: 3,3149
Ver Lista Completa
Rua João Brufatto, 45, Bairro Navegantes, Porto Alegre - RS | CEP 90240-380
Cápsula de Ideias